29 janeiro 2009


Não é fácil viver com segredos. Coisas que não posso contar. Imagens que não se partilham. Dores que me preenchem os dias. Palavras que não me saem dá cabeça. A angústia que aumenta a cada dia. O ponteiro que não pára. E sempre o medo que me vence. Que não deixa sair nada. Sinto-me prestes a explodir. Basta um toque e desfaço-me. Apetece-me gritar. Deitar tudo cá para fora até não restar nada. Inventar palavras para tudo o que trago comigo. E depois fugir. Para longe
. Desaparecer. Se possível para sempre.


@ In the Mood for Love


Chow Mo-wan:
In the old days, if someone had a secret they didn't want to share... you know what they did?
Ah Ping: Have no idea.
Chow Mo-wan: They went up a mountain, found a tree, carved a hole in it, and whispered the secret into the hole. Then they covered it with mud. And leave the secret there forever.


2 comentários:

inês disse...

«também eu queria parar
chorar... cair...
p'ra me levantar, p'ra te puxar!
Te fazer sorrir,
não voltar a cair!...»


*

c. disse...

inês:...tenho tantas saudades tuas :$

**